Colégio Caiçara trabalha higiene com as crianças



Os alunos do Ensino Fundamental I aprenderam sobre a importância de se lavar corretamente as mãos

A higienização das mãos é muito importante, porque por meio dela são evitadas uma série de infecções e pode-se salvar vidas. Pensando nisso, o Colégio Caiçara proporcionou uma aula dinâmica e divertida sobre a lavagem correta das mãos.

Sob orientação e coordenação da professora Lígia, que leciona para o 2º ano do Ensino Fundamental I, os alunos pintaram as mãos com tinta e depois foram fazer a lavagem delas. O objetivo era de mostrar todas as partes das mãos para uma higienização completa.

Durante a aula foi explicado que as mãos podem ser um reservatório de germes, microorganismos e bactérias e se não houver a higiene durante várias vezes ao dia, pode-se transmitir e adquirir doenças.

Além das informações sobre higiene e prática da lavagem das mãos, a aula possibilitou que os alunos estimulassem a coordenação motora e promoveu momentos de concentração. Mais uma vez o Colégio Caiçara demonstra que escola e família trabalham juntas para a melhoria da educação e do desenvolvimento infanto-juvenil.


Colégios Caiçara e Caiçarinha celebram Dia da Consciência Negra



Por meio de histórias, de ludicidade e de rodas de conversa, os alunos do curso de Educação Infantil e do Ensino Fundamental I aprenderam mais sobre culturas afro-brasileiras e respeito às diferenças

O Dia da Consciência Negra (20 de novembro) foi criado para lembrar a morte de Zumbi dos Palmares, último líder do Quilombo dos Palmares, no estado de Alagoas, que perseverou para que o modo de vida dos africanos escravizados que fugiram da escravidão fosse preservado. A data propõe reflexão sobre a importância do reconhecimento dos descendentes africanos na sociedade brasileira, racismo, discriminação, inclusão social, religião e cultura afro-brasileiras.

Os Colégios Caiçara e Caiçarinha trabalharam este tema tão importante para o Brasil com os alunos de todas as séries. Os alunos do curso de Educação Infantil do Caiçarinha trabalharam a história “Meninos de Todas as Cores” de Luisa Ducla Soares e puderam perceber as diferenças que existem entre as pessoas; eliminar preconceitos; a necessidade que todos têm em ser aceitos nos grupos em que participam; valorizar as diferenças e a auto-aceitação. Eles pintaram bonecos de várias cores e levaram para casa.

Os alunos do Ensino Fundamental I (do 1º ao 5º ano) do Colégio Caiçara assistiram vídeo sobre o livro “Menina Bonita do Laço de Fita”, de Ana Maria Machado que apresenta por meio de história lúdica, leve e divertida como as diferenças de raça (cor da pele, tipo de cabelo etc) são bonitas e podem e devem ser respeitadas e admiradas por todos.

As crianças do Colégio Caiçara, após assistirem o vídeo, participaram de rodas de conversa para tratar da importância da data para o Brasil e sobre questões relacionadas: o preconceito e respeito ao próximo, por exemplo. Depois cada um ganhou pirulito que representou a “Menina Bonita do Laço de Fita” e também fizeram bonecos coloridos que demonstraram as diferenças de cores e união entre as pessoas.

Com estas atividades, os Colégios Caiçara e Caiçarinha, além de trazerem mais cultura para seus alunos, mostrando o que é comemorado e o porquê o Dia da Consciência Negra é lembrado e tão importante para sociedade, trazem as crianças à realidade brasileira, mostrando que o preconceito existe, mas que podemos agir diferente, com ética e respeito ao próximo. Que existe muita beleza nas diferenças e que deve ser apreciada.


Colégio Caiçara realiza aula de culinária



Atividade trabalha diversas habilidades dos alunos e interliga disciplinas

Participar de uma aula de culinária vai muito além do que simplesmente fazer algo gostoso, que aguça o apetite e encanta o paladar. Esse tipo atividade traz muitos benefícios para o desenvolvimento dos alunos.

Para trabalhar diversas capacidades, os alunos do 4º ano do Ensino Fundamental do Colégio Caiçara participaram de uma deliciosa aula de culinária, em que fizeram um bolo de casca de bananas, sob orientação da professora Thais. Dentre as habilidades desenvolvidas estão: organização; paciência e trabalho em equipe.

Além disso, a participação dos alunos do Colégio Caiçara nessa aula envolveu outras disciplinas, que é o caso do Português, já que foi desenvolvida interpretação de texto instrucional com o objetivo ensinar ou orientar algo; e Ciências, porque aprenderam na prática como funcionam as reações químicas, resultantes da mistura dos ingredientes.

Outro ponto importante a ser destacado é sobre a conscientização que as aulas de culinária proporcionam aos alunos, pois aprendem o quanto é importante reutilizar alimentos que muitas vezes seriam jogados no lixo, como foi o caso da casca de bananas, a fim de se evitar o desperdício. Vale lembrar que esta aula é uma continuidade do que foi apresentado na VIII Feira de Ciências, que trouxe como tema “Os 11 R’s da Sustentabilidade”, que mostrou, entre outros assuntos, a importância de se reutilizar e reaproveitar alimentos e objetos que seriam facilmente descartados.

Por isso, pais, aproveitem o tempo que vocês passam com seus filhos, para fazer um “trabalho em equipe” com eles. Fica aqui a dica da receita trabalhada pela professora Thais do 4º ano:

Bolo de Casca de Bananas

Ingredientes:

- Casca picada de 4 bananas;
- 2 ovos;
- 2 colheres de sopa de margarina;
- 2 xícaras de chá de açúcar;
- 2 xícaras de chá de leite;
- 2 xícaras de chá de farinha de rosca;
- 1 colher de sopa de fermento em pó.

Modo de Preparo:

- Separe as gemas das claras. Bata as claras em neve e reserve;
- Bata no liquidificador casca, gemas, margarina, leite e açúcar até a mistura ficar homogênea;
- Coloque a mistura em uma vasilha, em seguida, acrescente a farinha de rosca e misture bem. Depois, adicione as claras em neve e o fermento em pó, mexendo delicadamente;
- Coloque em uma forma untada com margarina e farinha. Leve ao forno pré-aquecido a 180º C e asse por aproximadamente 40 minutos.
Bom apetite!


Colégio Caiçara: Ensino em Inglês mais leve e descontraído



As aulas em língua inglesa são mais lúdicas e alegres para um aprendizado mais leve

Aprender um novo idioma pode ser divertido e prazeroso. O Colégio Caiçara leva isso a sério, ao oferecer aos seus alunos um ensino bilíngue, com aulas 100% em inglês, material didático dinâmico e lúdico e aulas que saem do padrão, trazendo diversão e aprendizado.

Os alunos do Colégio Caiçara do Ensino Fundamental I participaram de aulas criativas proporcionadas pela professora de Inglês, Eduarda. Os estudantes do 3º ano fizeram uma aula de culinária em língua inglesa. As crianças prepararam uma receita fácil e nutritiva: Cooking Class. Nessa atividade, elas aprenderam a fazer uma sobremesa: “Salada de Frutas”.

Cooking Class tem como objetivo expandir o vocabulário em inglês no preparo de um prato, ensinar o básico da culinária infantil e é uma forma de aprender se divertindo. A turma teve a oportunidade de "botar a mão na massa" de uma maneira realmente diferente. A aula foi toda em inglês e desenvolveu o prazer pela língua, ao mesmo tempo em que instigou o interesse pela prática de uma atividade divertida, lúdica e responsável, que é cozinhar.

Os alunos do 1º ano tiveram uma aula especial sobre Trânsito. Foi desenvolvida música em inglês, na sala de aula, com as regras necessárias para se atravessar a rua e leis de trânsito. Dessa forma as crianças se divertiram ao cantar e dançar, ao mesmo tempo em que foi trabalhada a autonomia de cada aluno de forma lúdica.

Além dessas turmas, os alunos do 2º ano do Colégio Caiçara trabalharam vocabulário das partes do rosto, cores e animais, concretizando na confecção de máscara, o que eles já haviam aprendido. Eles fizeram uma pequena apresentação para a classe, com as máscaras em mãos, para falarem em inglês o que foi aprendido. Com isso foi trabalhada a oralidade e a criatividade de cada aluno.

Ensino Bilingue

O ensino em língua inglesa no Caiçarinha e no Colégio Caiçara foi disponibilizado há 3 anos em parceria com a empresa bilingue 2 Ways. Dos 2 anos de idade até o 8º ano do Ensino Fundamental (em 2020), os alunos têm aulas alinhada à grade curricular, ou seja, são trabalhados em inglês conhecimentos e temas de outras disciplinas. Desse modo, os estudantes começam a falar o 2º idioma desde cedo. Por exemplo, os alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental I já sabem nomes de objetos e pessoas em inglês e começam a montar pequenas frases na língua inglesa. O contato com o idioma diariamente, possibilita que os alunos aprendam de maneira natural e leve, ao mesmo tempo em que se divertem.


Colégio Caiçara e Caiçarinha realizam Semana da Saúde Bucal



Alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I participaram de atividades lúdicas e dinâmicas sobre hábitos de higiene de dentes, gengiva e boca

A escola cumpre um papel fundamental na vida das crianças nos primeiros anos de vida escolar, pois é praticamente o primeiro lugar que elas passam maior tempo longe dos pais, fazem novas amizades, aprendem novas disciplinas e novos hábitos. Assim como os pais, os professores também são vistos pelos alunos como exemplos a serem seguidos.

Como os alunos ainda estão em fase de descobertas e de aprendizado, é muito importante, que além das disciplinas tradicionais, sejam ensinados hábitos de higiene, como o de Saúde Bucal. Por isso, na semana em que se comemora o Dia do Dentista (25 de outubro), os alunos do curso de Educação Infantil do Caiçarinha e do Ensino Fundamental I (do 1º ao 5º ano) do Colégio Caiçara participaram de uma verdadeira imersão no que diz respeito à higiene dos dentes.

Todas essas turmas aprenderam mais sobre o modo certo da escovação dos dentes e higienização da boca e também sobre como a ausência de bons hábitos pode causar problemas como cáries e outras doenças nos dentes, na gengiva e na boca.

As aulas foram bem dinâmicas e lúdicas e englobaram vídeo sobre higiene bucal; roda de conversa para discussão dos assuntos tratados no vídeo; simulação do modo correto de escovação com bocarra feita com garrafa pet pelas professoras do Ensino Fundamental I (o que incentiva a reciclagem, reutilizando materiais que iriam para o lixo); atividade interdisciplinar, conectando o tema e contribuindo para o aprendizado em outras matérias: português, inglês e espanhol; palestra com dentistas e cantaram o Rap da Escova (Turma do Seu Lobato).

Essas atividades tiveram como objetivo conscientizar os alunos sobre a importância da higiene bucal e mostram como o Colégio Caiçara e Caiçarinha contribuem para o aprendizado não só da base curricular tradicional, mas também com outros assuntos importantes na vida dos alunos, como os hábitos de higiene. O Colégio Caiçara e Caiçarinha com essas ações demonstram que escola e família trabalham juntas para o melhor desenvolvimento das crianças, incentivando os pais a também participarem da vida de seus filhos, ajudando-os com as lições de casa e outros tipos de ensinamentos (higiene, valores éticos, morais etc) que serão fundamentais para eles na vida adulta.

O Colégio Caiçara e Caiçarinha agradecem as dentistas que tão carinhosamente vieram até os alunos para ensinar os bons hábitos de higiene bucal: Dra Camila Soares Simões que foi até o Caiçarinha e à Dra. Tatiana Nishimura que foi até o Colégio Caiçara.

Abaixo, segue uma sugestão: letra do Rap da Escova para vocês, pais, cantarem com seus filhos e incentivarem desde cedo bons hábitos da Saúde Bucal:

A Turma do Seu Lobato: Rap da Escova

VAMOS LÁ GAROTADA! APRENDER A ESCOVAR, AGORA A FADINHA VAI MOSTRAR COMO É QUE É!
ESCOVA, ESCOVA, ESCOVA, ESCOVA SEM PARAR

ESCOVA, ESCOVA, ESCOVA. SÓ NÃO ESCOVA QUEM NÃO QUER!
PEGA NA ESCOVA. PRO LADO E PRO OUTRO
MEXE, MEXE, MEXE, PRÁ CIMA E PRÁ BAIXO

APROVEITA A ESPUMA VAI LIMPANDO DIREITINHO
MEXE, MEXE, MEXE PRÁ LIMPAR O SEU DENTINHO
O DENTE TÁ BRANQUINHO! O DENTE TÁ BRANQUINHO TÁ BRILHANDO, TÁ BRILHANDO ESCOVA DIREITINHO, QUE É PRÁ FICAR LEGAL

Link: https://www.youtube.com/watch?v=2erdAuCS8RU&feature=youtu.be



Colégio Caiçara realiza doação de brinquedos



Alunos do 1º ao 5º ano doaram o melhor que tinham para alegrar o coração de outras crianças
Com a correria do dia a dia, muitas vezes, não percebemos que existem muitas pessoas bem próximas a nós que necessitam de ajuda. Muitos precisam de alimentos, de remédios, de roupas, de cobertores etc. Por isso, fazer doações, não só auxilia a quem precisa, mas também enche o coração de paz, de alegria e de satisfação daquele que ajudou.
Para trazer mais conscientização dos alunos sobre os problemas da sociedade e como eles podem contribuir para melhorá-la; para proporcionar nas crianças um espírito solidário, disposto a ajudar ao próximo, bem como fazê-los felizes por poder dividir o que eles têm contribuindo com as crianças que precisam, os alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I do Colégio Caiçara participaram do projeto “Doe Brinquedo”, na Semana da Criança.
A ideia partiu da coordenação do Colégio Caiçara com os professores do Ensino Fundamental I e visou arrecadar brinquedos novos ou em bom estado para doar a crianças menos favorecidas. O objetivo desta ação foi assegurar às crianças o direito ao lazer por meio do brinquedo.
“Um dos caminhos para a implantação do BEM na Terra é cultivar atitudes nobres em nossas crianças e jovens, uma vez que, tudo que vivenciam e observam fica impregnado no íntimo e vai aflorando ao longo da vida. Atitudes como disponibilidade de tempo para o auxílio ao próximo, atenção e carinho às pessoas necessitadas, gestos de generosidade e respeito às regras e normas sociais são iniciativas que formam o caráter em desenvolvimento. E, a parceria entre família e o Colégio Caiçara é fundamental para solidificar este pilar de sustentação que formará pessoas responsáveis por suas atitudes e proativas diante das injustiças e sofrimentos da humanidade e que certamente lutarão por um mundo melhor”, afirma a professora Michele que leciona para o 3º ano do Ensino Fundamental.
A doação de brinquedos será feita a uma entidade que preste serviços a crianças carentes. O Colégio Caiçara agradece a todos que estiveram envolvidos no projeto e parabeniza os alunos que contribuíram com seus brinquedos, pois com esta nobre atitude, eles mostraram ser capazes de enxergar além de si mesmos, ajudando a quem precisa, trazendo alegria àquelas crianças que não têm condições de comprar ou ganhar brinquedos.



Feira de Ciências do Colégio
Caiçara Debate Sustentabilidade



A 8ª edição da Feira de Ciências reuniu apresentações de cerca de 200 alunos das entidades do Colégio Caiçara e Caiçarinha relacionados ao tema “Os 11 R's da Sustentabilidade” (1 – Respeitar; 2 - Responsabilizar-se; 3 – Repensar; 4 – Recusar; 5 – Reduzir; 6 – Reparar; 7 – Reutilizar; 8 – Reintegrar; 9 - Repartir ou Repassar; 10 – Redirecionar e 11 – Reciclar).

Você sabe o que é Sustentabilidade? Esse termo é usado para o suprimento das necessidades humanas sem o comprometimento das gerações futuras, ou seja, é agir de forma consciente para que não seja afetado, de maneira significativa, o meio ambiente. Está ligado ao desenvolvimento econômico e social sem agredir e esgotar os recursos naturais.

A feira aconteceu no Lions Clube Bertioga, entre os dias 16 e 17 de outubro e contou com a presença de toda equipe pedagógica do Colégio Caiçara e Caiçarinha e também do Secretário de Educação Municipal de Bertioga.

A abertura da Feira foi abrilhantada com a apresentação da Fanfarra do Colégio Caiçara e dos alunos 4º e 5º anos, cantando música em inglês e fazendo som com copos (Cup Songs - que aprenderam nas aulas de música), sob orientação dos professores Fillipe, Eduarda e Thais.

Na ocasião foi anunciado o ganhador do 1º Concurso de Arte do Colégio Caiçara: Yuri Ocalxuk do 7º ano do Ensino Fundamental II, que fez o melhor desenho para camiseta em comemoração aos 20 anos do Colégio Caiçara. O aluno foi homenageado e ganhou uma bicicleta.

A Feira de Ciências aconteceu com participação dos alunos e professores do Infantil IV à 3ª série do Ensino Médio e foram desenvolvidos projetos sustentáveis bem criativos e úteis ao cotidiano das pessoas e ao planeta. A coordenação geral da Feira foi realizada pela Professora Karla Moya.

Diversos projetos como: “Polinização das Abelhas”; “Brinquedos Recicláveis”; “Jogos com materiais reciclados”; “Do Lixo ao Luxo”; “Coleta Seletiva”; “Instrumentos Musicais Recicláveis”, “Oficina de Papel Reciclado”; “Alerta Vermelho, o Planeta Pede Socorro”; "Veganismo e Vegetarianismo"; “Produtos Reutilizáveis”; “Animais Domésticos: Posse Responsável”; “Reaproveitamento de Água/ a Questão dos Microplásticos”; “Reaproveitamento de Alimentos”; “Bioenergia”; “Exploração de Animais na Indústria”; “Museu da Conscientização”; “Coleta Seletiva e Arte com Recicláveis“; “Produtos de Limpeza Biodegradáveis e Caseiros” e “Extinção das Abelhas e Apicultura”.

O Colégio Caiçara e Caiçarinha parabenizam a todos os alunos que participaram e com empenho e dedicação deram o seu melhor nos trabalhos apresentados.

A Feira de Ciências é um evento muito importante, pois permite que os alunos sejam autônomos ao pesquisarem e desenvolverem seus projetos; possibilita que eles explorem sua criatividade ao confeccionarem materiais para utilização na exposição; também trabalha a oralidade e comunicação já que são os próprios alunos que explicam ao público sobre cada projeto; traz mais cultura, conscientização deles e do público em geral. Além disso, permite maior sociabilização entre os alunos do Colégio Caiçara e Caiçarinha com os demais alunos de outras escolas de Bertioga que participam da Feira de Ciências anualmente.

A Direção do Colégio Caiçara e do Caiçarinha agradecem a todos que participaram, em especial, ao Secretário da Educação Rubens, às escolas e principalmente aos professores que se dispuseram e levaram com carinho e paciência seus alunos para apreciarem e compartilharem conhecimento com o Colégio Caiçara e Caiçarinha.

Depoimentos
Todo o trabalho apresentado durante a feira é resultado da integração de todos os professores, como explica a diretora pedagógica geral, Professora Jacira Aparecida da Costa Pinto. "Para nós tem sido um desafio grande a cada edição, ficamos mais exigentes e a nossa comunidade também. Temos que trazer temas que estejam relacionados às nossas necessidades e colocamos nos nossos alunos a corresponsabilidade de manter uma sociedade mais limpa e preservada".

O secretário de Educação Rubens Antonio Mandetta de Souza marcou, pela segunda vez, presença na feira de ciências e destacou três pontos: a importância das atividades transversais na escola, o trabalho em equipe e o tema sustentabilidade. "Nós vivemos, hoje, uma situação no país e no mundo, inclusive de muita discussão, que tem uma relação muito grande com as gerações futuras. Precisamos iniciar um processo de preservação para reverter a atual situação. Ter alunos conscientes é fundamental para termos um planeta protegido".

Robótica
Além dos trabalhos de sustentabilidade, a escola proporcionou aos pais e alunos uma apresentação de robótica. O estande de robótica da ViaMaker contou com uma apresentação do robô Astromaker,que será utilizado nas aulas do 1º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio, em 2020.



Caiçarinha: alunos sentem o mundo pelo tato



Sentido é trabalhado durante aula para um melhor desenvolvimento infantil

É durante a Primeira Infância (período que compreende desde a gestação até os seis anos de idade) que a criança começa a entender o que está ao seu redor, interagir e experimentar. Os cinco sentidos (visão, tato, olfato, audição e paladar) cumprem papel fundamental nessa fase da vida, porque ajudam muito no desenvolvimento infantil por meio das sensações que cada sentido proporciona.

Os alunos do Infantil II do curso de Educação Infantil do Caiçarinha, sob a supervisão da professora Larissa, tiveram aula de Tato. Nessa aula, foram vendados os olhos das crianças e dado vários objetos conhecidos em suas mãos. Cada aluno tinha que falar qual objeto estava segurando.

Essa atividade divertida possibilitou que os alunos trabalhassem a imaginação e memória, ajudando-os a expressarem seus pensamentos. Trabalhou também a comunicação.

Essa atividade favorece novas conexões nervosas no cérebro que criam caminhos para melhorar as habilidades em solucionar problemas e aumentar a capacidade cognitiva do indivíduo. O nosso cérebro é como se fosse um músculo que precisa ser exercitado e exposto a diversas experiências para ser fortalecido. A falta de diversidade destes estímulos adia este processo.

Fica a Dica do Caiçarinha: Esta atividade é excelente para estimular as crianças no desenvolvimento infantil, por meio do tato. Por isso, pais, façam esta brincadeira com seus filhos em casa, pois vocês incentivarão as crianças a imaginarem, a buscarem na memória os objetos que elas conhecem e também se divertirão muito com elas.



Caiçara e Caiçarinha celebram a Pátria



Diversas atividades foram realizadas para trazer mais conscientização aos alunos sobre patriotismo e valores dos símbolos brasileiros No mês em que se comemora a Semana da Pátria houve o incentivo do Colégio Caiçara e Caiçarinha, por meio da coordenação pedagógica e professores para que os alunos de ambas as unidades resgatassem o compromisso e a importância dos valores cívicos que fazem parte da nossa História e da garantia da cidadania de todos, com o propósito de buscar a relevância cultural e o patrimônio da nação brasileira.

Sob a coordenação da professora Paloma, os alunos do Infantil III do curso de Educação Infantil fizeram um brinquedo de papel crepom “balangandã” e o cavalo de D. Pedro. Já o Infantil IV da professora Cássia fez uma atividade de “máquinas fotográficas” e dentro de cada uma delas tinham desenhos representativos do Brasil.

As tarefas estimularam a coordenação motora, a criatividade e a imaginação; proporcionaram mais conhecimento sobre a História do Brasil e momentos de brincadeira, diversão e sociabilização entre as crianças.

No Caiçara, sob orientação da professora Michele, os alunos do 3º ano do Ensino Fundamental I fizeram a dobradura do chapéu e pintaram com tinta guache a bandeira do Brasil para simbolizar o Dia da Independência.

Os alunos do 8º ano do Ensino Fundamental II, com a professora Priscila de História, fizeram um jogral com o hino da Independência e uma peça teatral, que teve por objetivo desenvolver os talentos dos alunos; trazer oportunidade para uma viagem ao passado para que eles pudessem compreender o presente; reconhecer a importância dos símbolos nacionais e analisar o processo de independência do Brasil.

O mês de setembro em que se comemora a Pátria proporciona aos alunos a oportunidade de criarem um conceito sobre as razões dos festejos sobre Brasil e sentimento de patriotismo; formar atitude de respeito aos símbolos brasileiros e desenvolver a compreensão do passado histórico e da significação da data “7 de Setembro”.

Além disso, mostra a importância de se comemorar as datas cívicas do país; de valorizar e de identificar os símbolos nacionais; de reconhecer a bandeira da nossa Pátria; de conhecer e valorizar os direitos e deveres de todos nós, cidadãos; de valorizar a escola como participante de grandeza do Brasil, de despertar o conhecimento histórico, civismo e o senso crítico, bem como releitura histórica atual por meio do Hino Nacional e da Independência.

Palavras-chave: colégio caiçara; colégio caiçara Bertioga; caiçarinha; caiçarinha Bertioga; 7 de setembro; semana da pátria; mês da pátria; História; Conhecimento; símbolos do Brasil; bandeira; hino nacional; patriotismo



Colégio Caiçara/ Caiçarinha:
Metodologia OPEE é reconhecida internacionalmente



O Colégio Caiçara/ Caiçarinha aderiu à grade curricular a Metodologia OPEE (Orientação Profissional, Empregabilidade e Empreendedorismo) que visa tornar os alunos cidadãos empreendedores, capazes de contribuir positivamente com a sociedade. Além de incentivá-los a terem projetos de vida saudáveis e prepará-los para o futuro profissional.

A OPPE, pioneira na educação, foi criada pelo psicoterapeuta especialista em psicologia educacional, mestre em psicologia educacional e do desenvolvimento humano, Master Pratictioner pela Sociedade Brasileira de Programação Neurolinguística (SBPNL), professor e orientador profissional, Leo Fraiman.

Recentemente o idealizador do projeto e sua equipe participaram do Symposium Internacional 2019 – Formando Lideranças para o Desenvolvimento Sustentável: compartilhando experiências, na sede das Organizações Unidas (ONU), em Genebra. O que faz com que a metodologia seja reconhecida internacionalmente.

Leo foi o único brasileiro presente no evento. Além de apresentar a OPPE, ele mostrou como escolas, educadores, alunos e famílias podem construir juntos projetos de vida saudáveis e desenvolverem atitudes empreendedoras.

O Colégio Caiçara preza pela mudança na sociedade e na educação, já que os alunos não podem ser apenas meros reprodutores dos conteúdos aprendidos durante as aulas. É preciso prepará-los e formá-los como cidadãos pensantes, críticos, capazes de resolver conflitos internos e externos.

A metodologia OPEE, no Colégio Caiçara, é aplicada desde a Educação Infantil até o 3º ano do Ensino Médio. As aulas são ministradas com base em material didático de excelente qualidade da FTD, em que são abertos espaços para exposição de diversos valores humanos e diálogos.

Mãos à obra!

Os alunos do Colégio Caiçara já têm atitudes empreendedoras, reflexo do aprendizado recebido na instituição de ensino. Exemplo disso foi a participação ativa no Setembro Amarelo. Por meio do uso dos murais (reservado à interação para expressão de ideias e sentimentos), uso de roupas e laços amarelos, bem como indicação de número telefônico de apoio, os estudantes buscaram se colocar à disposição daqueles que precisam de ajuda.

Agradecemos e parabenizamos a OPPE e seu fundador Leo Fraiman pela participação e contribuição na Educação nesse importante evento da ONU.